Os 12 Curadores

 

No método de cura de Bach existem trinta e oito remédios. De início havia apenas doze. Bach descobriu os doze remédios entre os anos de 1928 e 1932. Os doze remédios são descritos num panfleto publicado logo após essa descoberta. O trabalho que Bach desenvolveu com as flores foi incentivado pela sua convicção de que a Humanidade como um todo era composta de doze tipos de grupos definidos. Cada indivíduo pertence a um desses grupos, tendo em comum diferentes traços de caráter, de personalidade e de temperamento.

De acordo com Bach, os membros de cada grupo são claramente reconhecíveis pelo seu comportamento, suas atitudes e sua expressão. Bach também observou que esses vários tipos se tornavam especialmente evidentes quando estavam doentes.

Em vez de tratar a doença, Bach passou a tratar a personalidade, a índole e o temperamento dos seus pacientes. Inspirado pelas suas observações, voltou-se à pesquisa dos estados de ânimo demonstrados pelos doze tipos diferentes, e descobriu que existiam doze estados mentais principais:

 

Signo Remédio Floral Estado Mental
Aspecto negativo
Virtude
ÁRIES IMPATIENS Impaciência Perdão
TOURO GENTIAN Dúvida ou desânimo Compreensão
GÊMEOS CERATO - Falta de confiança em si mesmo
- Ignorância
Sabedoria
CÂNCER CLEMATIS Indiferença Bondade
LEÃO VERVAIN Excesso de entusiasmo Tolerância
VIRGEM CENTAURY Fraqueza Força
LIBRA SCLERANTHUS Indecisão Firmeza
ESCORPIÃO CHICORY - Excesso de preocupação com os outros
- Controle
Amor
SAGITÁRIO AGRIMONY - Tortura mental
- Inquietude
Paz
CAPRICÓRNIO MIMULUS Medo Empatia
AQUÁRIO WATER VIOLET - Orgulho ou insociabilidade
- Tristeza
Alegria
PEIXES ROCK ROSE Terror Coragem

 

Os quatro elementos da astrologia (Fogo, Terra, Ar e Água) são os blocos básicos para a construção de todas as estruturas materiais e todos orgânicos. Cada elemento representa um tipo básico de energia e consciência, operando em cada um de nós. Assim como a física moderna demonstrou que energia é matéria, os quatro elementos se entrelaçam e combinam para formar toda a matéria. Cada um dos quatro elementos se manifesta em três modalidades vibratórias: cardeal, fixa e mutável. Daí, quando combinamos os quatro elementos com as três modalidades, temos doze padrões primários de energia, que são chamados de signos zodiacais.

Esses doze estados mentais correspondem aos doze remédios que Bach buscava. Os doze signos do Zodíaco correspondem aos doze remédios, uma vez que cada tipo de signo apresenta uma fraqueza que pode ser superada à medida que evoluímos.

“Fundamentalmente existem doze tipos principais de personalidade... Estes remédios são indicados de acordo com a condição mental do paciente, ignorando por completo a doença física”. Dr. Bach.

Os 12 primeiros florais, também chamados de “Os 12 originais”, são a base do sistema floral. No livreto “Liberte-se”, texto de 1932, Bach descreve as doze falhas e as doze virtudes vinculadas aos 12 remédios florais; “Cada flor corresponde a uma qualidade positiva, e seu propósito é fortalecer essa qualidade, de modo que a personalidade possa eliminar a falha, que é a causa particular do bloqueio”. Cada um de nós, diz Bach, nasceu com o propósito de aprender  uma dessas grandes lições de vida. O aspecto negativo do estado associado a cada remédio é visto na escuridão e no isolamento com que nos deparamos quando nos afastamos da luz.

Este trabalho de cura foi realizado e publicado para que as pessoas  possam ajudar a si mesmas, seja na doença ou para se manterem bem fortes.

Edward Bach, falando no seu 50º aniversário - 24 de Setembro de 1936

 www.floraisterapias.com.br 
facebook.com/floraisterapias

Terapia Floral

www.floraisterapias.com.br
(11) 96964-1696 WhatsApp e Telegram terapiafloral.net@gmail.com
Desenvolvido por Webnode